História

A Associação Espírita Tereza de Jesus, tem seu início no ano de 1956. Naquela época um grupo de amigos, promoviam campanhas junto à comunidade, visando a arrecadação de alimentos, para que aos primeiros domingos de cada mês, se distribuísse uma cesta básica para 30 idosos carentes. Nesta mesma época aquele grupo passava a denominar-se: Associação de Amparo aos Velhinhos de Zulma, em homenagem aos pais de Zulma que houvera falecido e que trabalhara em prol dos idosos carentes e desamparados. A associação foi fundada na residência dos pais de Zulma situda à rua General Gaspar Dutra n. 500 no bairro do Estreito em Florianópolis/SC.

Quando da fundação da Associação, idealizou-se a construção de um lar para abrigar idosos desamparados. Foi então, que aos 18 dias do mês de janeiro do ano de 1959, lançou-se a pedra fundamental da construção. O trabalho de construção do Lar dos Velhinhos de Zulma traduziu-se em esforço, renúncia e resignação daqueles que com coragem empreenderam tão árdua tarefa. Diversas campanhas foram então organizadas, quando algumas senhoras, batiam de porta em porta, percorrendo as ruas em busca de donativos para a construção do Lar.

Finalmente, após 8 anos de trabalho incessante, inaugurou-se no ano de 1967 o Lar dos Velhinhos de Zulma, com sede na Avenida Irineu Bornhausen, 119, Campinas, São José - SC. O Objetivo que norteia as atividades desenvolvidas pela Associação Espírita Tereza de Jesus, tem sido desde sua fundação, o de proporcionar uma vida dígna aos idosos carentes que chegam às portas do Lar dos Velhinhos de Zulma em busca de abrigo, de oferecer conforto e bem-estar em uma instituição asilar, proporcionando atividades recreativas, de assistência médica, alimentação adequada e sobretudo amor -que é a base fundamental de qualquer trabalho assistencial-, de divulgar e promover a Doutrina Espírita, essência para a educação da alma, em um educandário de amor denominado Centro Espírita Tereza de Jesus (filiado à FEC), que recebe, semanalmente, cerca de 700 pessoas, que buscam no conforto da Doutrina Espírita, a luz para o seu caminhar. 

"Que nada te perturbe, que nada te apavore, tudo passa, só Deus não muda. A paciência tudo alcança, quem tem Deus nada lhe falta, só Deus basta."
Tereza de Jesus Ávila-Espanha *1515